A Prefeita de Sorocaba Jaqueline Coutinho (PDT), pode ter cometido um ato de improbidade administrativa, no ato cívico do dia 7 de setembro, que não foi cancelado pela Prefeitura de Sorocaba, aconteceu sem banheiros químicos e com grades da empresa que perdeu a licitação.

Nenhum chamamento público foi realizado no site da prefeitura, com a intenção de solicitar doação de empresas para o dia do evento.

A lei federal determina que mesmo para doação ao governo, é necessário abrir um chamamento público, o que não ocorreu.

Apenas as autoridades possuem acesso a banheiros, o restante da população, próximo a área de concentração estavam urinando próximo ao Fórum Velho.

Além do banheiro também contam com mesas e cadeiras dentro do palacete, com bolos para prefeita e demais autoridades.

Não foram identificados no site da Prefeitura, nenhum chamamento de buffet ou fornecimento de bolos, mesas e cadeiras.

Em contato na sexta-feira (6) a Secretaria de Comunicação informou que irá responder apenas na segunda-feira (9), sobre os questionamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui