Fernando Dini tenta censurar e amedrontar pessoas na internet

0

O vereador e Presidente da Câmara de Vereadores de Sorocaba Fernando Dini (MDB), como noticiado pelo Sorocabano.com, acusou um grupo de internautas de montar um exercito virtual para atacar a sua imagem e gestão da Câmara.

Uma das pessoas que foi chamado por meio de intimação policial, foi o empresário Rafael Sarti, proprietário do site Sorocabano.com. No inquérito policial o vereador Fernando Dini, aponta que Rafael e o site Sorocabano.com, atua como uma ofensiva contra o Presidente da Câmara de Vereadores, para tentar atacar a sua honra.

O empresário Rafael Sarti afirmou que o vereador terá que provar o que fala, que existe um exercito liderado por alguém para ferir a sua honra, em matéria especifica no site Sorocabano.com.

Após responder o inquérito policial, Rafael afirmou que “reconheci todas as postagens feitas pelo site Sorocabano.com, como também do Facebook, o vereador Fernando Dini deve viver na época da Ditadura Militar, onde as autoridades podiam usar a força policial para amedrontar pessoas, sei das liberdades de expressão, manifestação de pensamento e o direito que o cidadão, pagador de imposto e participante da política, pode e deve criticar maus políticos como Presidente da Câmara de Vereadores, que em tempos de péssima saúde, péssima segurança, contrata empresas privadas para proteger apenas os vereadores, por enquanto que a população é deixada de lado”

Fernando Dini no pedido de investigação afirma que a pagina Sorocabano, utiliza de truncarem, imagens e montagens para prejudicar a imagem do vereador, assunto que já foi inclusive julgado pelo STF na ADI 4.451/DF, declarando inconstitucional a proibição de recursos de imagens, críticas, sátiras contra políticas até mesmo no período eleitoral.

O relator da ação no Supremo Tribunal Federal disse a seguinte frase no julgado “Entendo que nos dispositivos impugnados está presente o traço marcante da censura prévia, com seu caráter preventivo e abstrato. […] Quem não quer ser criticado, que não quer ser satirizado, fica em casa, não seja candidato”. – Alexandre de Moraes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui