Gestão de 2020 do PSL de Sorocaba é investigada pela Policia Federal

0

A Polícia Federal na cidade de Sorocaba começou a ouvir pessoas ligadas ao PSL nos anos de 2019 e 2020, pelo inquérito nº 2020.0069047, por mudança de filiação de políticos do Republicanos, PSC e outros partidos. No total foram 12 candidatos que estavam em seu partido político e foram transferidos para o PSL sem autorização.

A gestão na época dos fatos era da ex-prefeita de Sorocaba de Jaqueline Coutinho (MDB), que foi notificada em seu condomínio Ibiti do Paço, por meio extrajudicial, sendo recusado o documento e informado pela portaria que ali não era a sede do PSL, segundo informações da moradora.

O Juiz Eleitoral do caso, compreendeu que houve crime eleitoral, tentando retirar candidatos do pleito eleitoral de 2020. Um dos políticos que venceu as eleições de 2020 e hoje é vereador na cidade em primeiro mandato, que foi transferido para o PSL, é o vereador Ítalo Moreira (PSC).

A investigação continua ouvindo pessoas ligadas e o julgamento do caso poderá ocorrer em 2022 já que encontra-se em fase final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui